Amamentação

Amamentar
                          Um ato de amor!!

Quando pensamos em gravidez, vem também o ato de amamentar,essas 2 fazes,estãofortemente ligadas.

A descoberta da gravidez nos faz lembrar automaticamente que iremos amamentar , so que nem todas as gestantes lembram disso e após o parto passao por dificuldades. È| importante a grávida  preparar o seio para amamentar, adotando alguns cuidados durante toda a gravidez que ajudam a evitar problemas, como as rachaduras ou fissuras no mamilo.
Uma dica que ajuda na preparação é conhecer o tipo de mamilo que você tem:

-Conheça seu tipo de mamilo

Muitas mulheres afirmam que não podem dar de mamar porque têm os mamilos planos ou invertidos. Mas com as orientações certas, isso não é um grande empecilho. O ideal é que isso já seja identificado por seu obstetra no pré-natal, assim ele já dá as melhores dicas de como amamentar. Você mesma pode verificar isso, inclusive.

Comprima suavemente a aréola cerca de três centímetros atrás do mamilo: se ele for normal irá projetar-se para fora, se for invertido irá retrair-se. Um dos truques para mulheres com esse tipo de mamilo são as chamadas conchas plásticas, para serem usadas durante o pré-natal e mesmo na fase de amamentação. "Essas conchas são formadas por duas partes: uma em forma de anel, com parte do acabamento em silicone e um buraco no meio para que o mamilo se encaixe e venha a se tornar mais projetado devido a uma suave pressão sobre a auréola; a outra parte é arredondada e cobre o anel por cima para ficar dentro do sutiã".
Preparar os mamilos, tornando-os mais salientes para a amamentação também ajuda  e a amamentação trás benefícios para a mãe e para o bebê,tais como:

-Benefícios para Mãe:
A  amamentação pode funcionar como um método contraceptivo, porque como a menstruação não vem, a mulher não tem período fértil. No entanto isto só acontece quando a mãe dá de mamar várias vezes ao dia e em grande quantidade, alimentando o bebê exclusivamente com o leite materno até o bebê completar 6 meses.

-Para o Bebê:
Reforça seu sistema imunológico e reduz as chances de ele se tornar uma criança com obesidade e previne outras doenças como síndrome metabólica, diabetes, hipertensão e doença celíaca. Afinal de contas, ele é o alimento certo para seu filho. E, de quebra, você mesma ganha benefícios, como a redução das chances de câncer de mama e de ovário, além de auxiliar o emagrecimento pós-parto.

Dicas e curiosidades:


-  A primeira amamentação dada ao bebê após o parto é essencial, o recomendado é que isso aconteça ainda na primeira hora de vida do pequeno.
- A sucção é o maior estímulo à produção de leite, ou seja, quanto mais o bebê suga mais a mamãe terá leite.
-  O leite materno é um alimento completo, portanto até os seis meses o bebê não precisa de nenhum outro tipo de alimento (chá, suco, água ou outro leite).
-  É recomendado manter o leite materno até os dois anos, e a partir dos seis meses introduzir outros alimentos aos poucos.
-  A sucção que o bebê realiza durante a amamentação o ajudará a desenvolver dentes bonitos, a fala e a respiração.
- Nos primeiros meses é comum que a criança mame com frequência e sem horários regulares, com o tempo ela estabelecerá horário mais regulares. É recomendado que a mamãe amamente o bebê sempre que ele quiser.


Via:Blog Tricae

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...